Trabalho de Formigas

25/02/2014 18:18

Trabalho de Formigas

Caminhamos por roteiros, por rotas de palavras, por passos que avançam sempre em múltiplas direções: cada ato nosso é feito de diversos contextos, intenções, finalidades. Como na vida,  um curso de roteiro de novela de televisão não serve apenas para este fim. Desenvolve as faculdades imaginativas, considera o processo criativo como um artefato, sujeito a uma carpintaria (estruturação orgânica do constructo ficcional), facilita a ordenação do pensamento, fornece técnicas diferentes, aprimora a linguagem escrita, a comunicação, a percepção e a sensibilidade, amplia horizontes. A humanidade narra-se desde os tempos das cavernas, por desenhos e mímica – a fala foi um incrível avanço, até hoje estamos aprendendo com ela.  O dia em que uma sociedade não tiver mais histórias para contar está condenada ao desaparecimento.    

—————


Perguntas e respostas - Pergunte o que você deseja saber sobre roteiro de tv e/ou assuntos correlatos. Sua dúvida pode ser também a de outros, e assim várias pessoas se beneficiarão simultaneamente com a minha resposta.

Data: 12/06/2017

De: Leila Miccolis

Assunto: Re:Informação

Não, Leila, há monte de livros que ensinam a técnica. Difícil é praticá-la sem orientação e planejamento; mas há quem consiga trilhar sozinho o caminho (mais longo) das pedras, lógico.

—————

Data: 11/06/2017

De: Gabriel Rezende

Assunto: Reunião de criação

Olá Leila. Uma curiosidade: Nas novelas em que você trabalhou, você sempre trabalhou em parceria com outros autores. Como eram as reuniões de criação em que vocês definiam os rumos das tramas?

—————

Data: 12/06/2017

De: Leila Miccolis

Assunto: Re:Reunião de criação

Cada um era de um jeito, Gabriel. Essas reuniões a dois dependiam muito dos parceiros, nenhum autor é igual ao outro (aliás todos no mundo somos exemplares únicos). Porém a responsabilidade das escaletas era do autor da sinopse, a não ser quando ele estava impossibilitado de fazer. Trocávamos ideias a respeito e pronto. Em geral era isso. Também falávamos muitas vezes dos problemas dos bastidores quando eles interferiam no enredo da novela.

—————

Data: 10/06/2017

De: Luiz Jesus da luz

Assunto: Como apresentar um roteiro de novela a uma emissora de TV?

Oi bom dia,eu tenho uma novela quase pronta e gostaria de está apresentando a uma emissora de TV,mas não sei o passo inicial você poderia me dá uma orientação?

—————

Data: 12/06/2017

De: Leila Miccolis

Assunto: Re:Como apresentar um roteiro de novela a uma emissora de TV?

Luiz, as emissoras só leem a sinopse pronta. Quanto ao resto de sua dúvida, já respondi a esta sua pergunta várias vezes aqui. Ou você entra nos concursos que as emissoras de vez em quando fazem para selecionar autores novos ou é necessário que você tenha contato com algum autor, produtor ou mesmo algum ator que tenha força dentro da emissora para que ele leia e, se gostar, encaminhe para o diretor de núcleo. Há ainda uma terceira opção: tentar uma produtora independente que faça novela; de repente, se ela aceitar, ela própria se encarrega de vender para alguma emissora no Brasil ou no exterior e aí as portas se abrem para você. De qualquer maneira, sempre repito, não se esqueça de registrar no Escritório de Direitos Autorais (EDA) a sua sinopse, antes de mostrá-la para alguém. E boa sorte!

—————

Data: 11/05/2017

De: marcilio alves

Assunto: novela

oi boa noite, eu nao sou formado eu cinema mas sei fazer um roteiro, tenho uma mente muito criativa, crio lindas hitorias

—————

Data: 12/05/2017

De: Leila Míccolis

Assunto: Re:novela

A que roteiro você se refere: o literário ou o técnico, Marcilio?
De qualquer modo sugiro que você passe a colocar no papel as histórias que você cria. Isto já é o esboço ou o primeiro tratamento de um roteiro.
E procure no google, há muitos sites sobre o assunto, outro dia andei lendo um bem interessante: http://www.massarani.com.br/rot-formatacao-roteiro-cinema.html

—————

Data: 29/04/2017

De: Renata

Assunto: Divagações

Olá Leila...

Tomei coragem para entrar na faculdade de cinema e pretendo me especializar em roteiro e direção.Porém para mim que nunca realizei nenhum trabalho nesta área nem na área de escritora,fica o medo de fracassar,de não dar certo,de chegar lá e descobrir que você não é tão boa como acreditava.O medo de descobrir que as histórias que você escrevia em meio às sombras do seu quarto,aos olhos de outros podem parecer ridículas.
Então gostaria de saber se você lá no começo da sua carreira também já sentiu esse medo e o que te fez prosseguir independente do que sentia?

(Perdoe se estou sendo pessoal demais!!!)

—————

Data: 01/05/2017

De: Leila Miccolis

Assunto: Re:Divagações

Oi, Renata, eu não tinha no começo este medo de fracassar, porque nunca pensei em ser escritora, eu escrevia por diletantismo, porque gostava, porque me dava prazer, sem pensar em viver disso. Os concursos de literatura que eu ganhei me incentivaram, e eu prossegui. Porém o amor pela escrita começou a crescer muito em mim ao mesmo tempo em que a satisfação em ser advogada diminuía bastante. Até que precisei optar: larguei minha profissão (tão rentável...) para me jogar no desconhecido. Nunca me arrependi, mesmo nos momentos econômicos mais difíceis. E pode parecer meio irônico para você, mas é agora, com o peso de todos estes anos de prática, que muitas vezes tenho um certo receio sim... É normal. Cada roteiro, cada texto é um abismo, a princípio, e não sabemos se encontraremos clareiras em meio a esta floresta densa. Porém sei que o amor ao que eu faço sempre vence qualquer barreira. Por isso, não tema: aprender a escrever também é aprender a dominar este medo. Não que você vá perdê-lo totalmente, mas você vai enfrentá-lo numa boa, sabendo que você é capaz de vencê-lo, porque é muito maior do que ele.

—————

Data: 24/04/2017

De: Renata

Assunto: Agilidade e Dinamismo

O que é necessário para se escrever uma novela ágil e dinâmica?

—————